Skip to content

Panorama de mercado semanal – 29/04/13 às 8h31

29/04/2013

Renda Variável

O PIB norte-americano referente ao 1TRI/13 veio abaixo do esperado, tendo registrado alta de 2,5% em base anualizada, quando as projeções rondavam os 3,5%.

Mesmo com a surpresa desagradável do anúncio do PIB mais fraco na sexta-feira, as bolsas de valores do país apresentaram recuperação essa semana, frente ao desempenho registrado na semana anterior.

Apesar da contínua fragilidade do crescimento econômico atual e futuro na Europa – com exceção do Reino Unido, que parece um pouco melhor do que seus pares europeus ao registrar crescimento de 0,30% no PIB do 1TRI/13 frente ao trimestre anterior -, as bolsas da região retomaram a alta ao longo da semana, favorecidas pela possibilidade de medidas de estímulo e recuo na taxa básica de juros a ser definida pelo BCE essa semana.

No mercado local, o destaque foi o desempenho positivo de OGXP3, que mostrou forte recuperação – apesar da volatilidade – ao fechar em R$ 1,83/ação, com especulações sobre potencial venda de parte da companhia e/ou ativos, além do equacionamento financeiro para viabilizar sua participação na nova rodada de leilões de poços de petróleo retomada pela ANP.

Além de OGXP3, as ações da Petrobras também foram muito beneficiadas ao longo da semana, devido ao iminente aumento do percentual de etanol na gasolina – que diminuirá a importação de gasolina pela Petrobras – e pela expectativa positiva frente ao balanço da companhia referente ao 1TRI/13, divulgado na sexta-feira.

A Petrobras registrou lucro de R$ 7,69 bi no trimestre, tendo o resultado superado ligeiramente a expectativa do mercado. Após os aumentos dos combustíveis obtidos pela companhia – além de outras medidas positivas do governo para beneficiá-la -, a perspectiva de lucro da companhia se mostrou muito mais favorável, tendo ensejado a recente recuperação de seus preços.

Veja a seguir os gráficos candlestick diário  e semanal do índice Ibovespa. A tendência do Ibovespa ainda continua sendo de baixa, apesar da melhora do índice na última semana. Por outro lado, como se pode ver pelos gráficos – tanto dentro da janela diária quanto semanal -, o Ibovespa registrou sensível melhora.

Entretanto, deve-se olhar com cautela essa melhora já que para configurar a mudança de tendência é necessário o rompimento da resistência do canal de baixa (semanal). Portanto, atenção para verificar se a melhora do índice significou, de fato, o registro de “um fundo” recente em termos gráficos, ou apenas uma recuperação eventual dentro da tendência de baixa predominante.

Diário

IBOV_diario_2013-04-28_1354

Semanal

IBOV_semanal2013-04-28_1400

Renda Fixa – Brasil

O diagnóstico do Banco Central e de seus diretores acerca da perspectiva da inflação local é muito negativo, conforme pode-se aferir da ata da última reunião do Copom:

“O julgamento de todos os membros do Copom é convergente no que se refere à necessidade de uma ação de política monetária destinada a neutralizar riscos que se apresentam no cenário prospectivo para a inflação, notadamente para o próximo ano”.

Além disso, é público que o diretor de política monetária do banco vê a inflação, nesse momento, como elevada, disseminada e resistente. Dessa forma, o mercado continua operando com cautela, e deve projetar um ciclo de aumento da taxa Selic mais longo do que o inicialmente previsto.

Resta ver qual será a intensidade do aumento (+0,50 ponto percentual para a reunião de maio?), uma vez que ele irá depender do comportamento da taxa de inflação nos próximos meses, a qual se espera que caia conforme projeções do governo. A conferir…

Veja, a seguir, os gráficos e tabelas das taxas de juros referentes tanto aos DI’s curtos quanto aos DI’s longos, ajustadas para 29/04/13. Vale observar também, o grau do ajuste nas taxas de juros, realizado pelo mercado na semana passada em relação às taxas ajustadas para 22/04/13.

DI’s de prazos curtos

Curvas_29-04-13 curta semanal

DI’s de prazos longos

Curvas_29-04-13 longa semanal

Por fim, o mercado terminou a semana passada projetando uma taxa Selic de 7,70% aa para a próxima reunião do Copom – a ser realizada em 28 e 29/05 -, e de 8,11% aa para a reunião marcada para 9 e 10/07, conforme pode ser aferido pelo gráfico, a seguir.

TSelic 29-04-13 semanal

Bons negócios!

Acesse também:

http://www.investcerto.com.br

Siga a InvestCerto no Twitter

http://twitter.com/investcerto

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: