Skip to content

Panorama de mercado – 07/03/2013 às 9h37

07/03/2013

… Atenção! Todo excesso traz acomodações subsequentes; seja na alta ou na baixa.“.

Ásia

Realização de lucros nas principais bolsas de valores da região marcou o pregão dessa madrugada. Atenção para a definição da taxa de juros básica para o Japão mais à noite.

http://www.reuters.com/finance/markets/asia

Destaque negativo para a bolsa de Xangai, na China, que recuou 0,98%, devido à incerteza frente aos indicadores macroeconômicos referentes a fevereiro, que serão divulgados durante o final de semana. Em especial a taxa de inflação, na qual se espera forte aumento frente ao registrado no mês anterior. A chance é de que o banco central do país aperte a política monetária, caso a inflação suba para o patamar de 3% ao ano.

http://www.bloomberg.com/news/2013-03-07/china-s-stock-futures-fall-signaling-drop-for-benchmark-index.html

Europa

As bolsas de valores do continente operaram em divergência ontem. Expectativa com as reuniões de política monetária no Reino Unido (BoE) e zona do euro (BCE) a serem realizadas hoje.

As principais bolsas da região têm alta moderada nessa manhã (8h49).

http://www.reuters.com/finance/markets/europe

Os investidores aguardam o resultado das reuniões do BCE e do BoE para aferir se os formuladores da política monetária na região irão aumentar os estímulos monetários já implementados para potencializar a recuperação de suas economias.

http://www.reuters.com/article/2013/03/07/us-markets-global-idUSBRE88901C20130307

EUA

As bolsas de valores de NY fecharam em leve alta ontem, apesar da pesquisa ADP de criação de vagas ter vindo com aumento acima do esperado pelo mercado. Entretanto, o livro Bege registrou crescimento moderado da economia nos distritos avaliados pelo FED.

Os futuros de índices de ações operam em leve alta às 8h57, e os investidores aguardam não só os resultados das reuniões do BCE e do BoE, assim como o relatório de emprego no país a ser divulgado amanhã pelo governo.

http://www.bloomberg.com/markets/stocks/futures/

Os índices DJ e S&P registraram novas máximas históricas ontem, a despeito do cenário econômico de fraca retomada da economia mundial. O rali de alta dessas bolsas pode ser explicado pela sustentação que as políticas monetárias dos principais bancos centrais do mundo têm dado aos mercados de risco (mormente ações), com o aumento da liquidez propiciado pelos programas de compra de ativos.

http://www.bloomberg.com/news/2013-03-07/u-s-stock-futures-little-changed-before-jobless-report.html

Muitos analistas acreditam que a alta dessas bolsas continuará enquanto esses estímulos estiverem presentes, a despeito da situação das economias. A conferir…

Atenção para o relatório de emprego referente a fevereiro aguardado para amanhã.

Brasil

O índice Ibovespa parece ter acordado de sua letargia ontem, puxado pela alta generalizada das ações, com destaque especial para a alta das ações da Petrobras, motivada pelo inesperado aumento de 5% no diesel.

O Ibovespa subiu 3,56% ontem, aos 57.940 pontos.

http://www.infomoney.com.br/mercados/acoes-e-indices/noticia/2695149/com-alta-ibovespa-tem-melhor-pregao-ano-maior-alta-desde

O futuro do Ibovespa para abril opera em forte alta às 9h10, indicando mais um dia de alta para o índice à vista.

O inesperado aumento do diesel forneceu o sinal de que o governo pode ter cedido às demandas da Petrobras em particular e da sociedade como um todo em relação ao forte intervencionismo econômico recente do governo.

Mais do que um aumento projetado no lucro anual da companhia da ordem de R$ 3 a R$ 4 bi, o que motivou o mercado a puxar com força as ações foi a possibilidade de diminuição da intervenção sobre a gestão da Petrobras e controle dos preços de seus produtos, deixando o mercado operar com maior liberdade.

O Copom resolveu “adiar” por enquanto um aumento da taxa Selic, apesar de indicar que este esteja próximo de acontecer. Acende-se uma luz amarela na economia, dado que o Copom pode vir a iniciar um ciclo de alta na taxa Selic proximamente, uma vez que a inflação corrente deve permanecer pressionada com o aumento recente do diesel.

A OGXP3, apesar de ter apresentado “volatilidade animal” ontem, acabou fechando com alta superior a 5%. Conforme ressaltado há alguns dias, o papel merece a atenção do investidor, uma vez que apresenta relação de retorno-risco interessante dada a forte queda recente.

Veja, a seguir, o gráfico candlestick diário do Ibovespa.

IBOV_diario_2013-03-07_0931

Suporte: 57.665 pontos; 56.845 pontos; 56.271 pontos.

Resistência: 58.150 pontos; 58.446 pontos; 59.624 pontos.

Atenção! Todo excesso traz acomodações subsequentes; seja na alta ou na baixa.

Bons negócios!

Acesse também:

http://www.investcerto.com.br

Siga a InvestCerto no Twitter

http://twitter.com/investcer

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: