Skip to content

Estudo: Curvas de Juros Spot e a Termo – 13/11/2012 às 11h12

13/11/2012

Mercado Futuro de Taxas de Juros

As taxas de juros futuras voltam a apresentar comportamento divergente entre os vários vencimentos dos DI’s da BM&F. Chegam a apresentar leve redução para os vencimentos até janeiro/14 e aumento a partir daí.

O ritmo de expansão do varejo local em setembro registrou  crescimento de 0,3% frente ao observado em agosto, tendo vindo dentro da estimativa feita pelo mercado. Dessa forma, as taxas de juros futuras flutuam em função do cenário atual  e perspectivas para o crescimento econômico global.

Vale observar que a curva spot de juros está flat até o vencimento de outubro/12. Entretanto, a julgar pela previsão da taxa Selic para 2013, constante do relatório Focus da semana passada (publicado ontem), o mercado deve acabar trazendo para a faixa dos 7,11% aa as taxas de juros futuras dos DI’s com vencimento até janeiro/14.

Veja, a seguir, as curvas de juros spot e a termo para os DI’s curtos e longos às 11h12, assim como as variações das taxas de juros frente aos níveis estabelecidos pelos ajustes corrigidos para hoje.

Curva de DI’s curtos:

Curva de DI’s longos:

Taxas de Juros pós-fixadas

O site do Tesouro Direto mostra a NTN-B Principal de 15/05/2015 cotada com rendimento de 2,29% aa. – leve aumento frente aos 2,27% aa negociados ontem. Veja, a seguir, como estão cotados todos os títulos negociados pelo Tesouro Direto esta manhã.

Bons negócios!

Acesse também

http://www.investcerto.com.br

Siga a InvestCerto no Twitter

http://twitter.com/investcerto

Anúncios
2 Comentários
  1. Jean permalink

    O mercado que dita os preços, mas conforme comentário seu, “os DIs até jan/14 deverão chegar a 7,11%”, com o cenário atual era isto que estava apostando, ou seja, acreditava que o cupom das NTN-Bs se fechariam mais rapidamente para os vencimentos atém 2015 !!! Estranhamente nos últimos dias temos visto o movimento contrário. Faz algum sentido ?!?!

    • Olá Jean,

      O mercado continua a manter os prêmios para os DI’s longos (a partir de janeiro/15). Enquanto as taxas de juros nominais (indicada pelos DI’s) permanecerem em alta e, por outro lado, a perspectiva de inflação se mantiver estável até lá, não há como o juro real dessa NTN-B fechar mais. Aliás, vale lembrar que ele está muito próximo ao patamar de 2% aa, nível considerado de “equilíbrio” pelos economistas para os juros reais da economia no longo prazo.

      Abs

      Luiz Rogé

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: