Skip to content

Panorama de mercado – 04/10/12 às 8h11

04/10/2012

Agenda:

EUA: minuta da última reunião do FOMC; variação nos pedidos de seguro desemprego relativa à semana passada; pesquisa Challenger de corte de empregos referente a setembro; encomendas às fábricas referentes a agosto; dicurso do presidente do FED de St. Louis, James Bullard.

Europa: definição da taxa básica de juros da zona do euro pelo Banco Central Europeu (BCE); conferência de imprensa da cúpula do BCE; definição da taxa básica de juros do Reino Unido pelo Banco da Inglaterra (BoE); definição de recursos para o programa de compra de ativos do BoE.

Ásia: definição da taxa básica de juros do Japão pelo Banco Central do Japão (BoJ)*

* a ser confirmada para acontecer amanhã de madrugada.

Brasil: não há indicadores de destaque.

Mercados:

As bolsas de valores da Ásia fecharam em alta moderada hoje de madrugada. Na Europa, as principais bolsas não têm direção definida, oscilando em torno da neutralidade. Já os futuros de índices de ações em NY negociam em alta às 7h44.

Conjuntura:

O índice Ibovespa teve queda na faixa de 1% ontem, com destaques negativos para as ações da Vale e da Petrobras. A perspectiva negativa para o crescimento econômico mundial, com destaque para uma forte desaceleração da economia chinesa têm condicionado o desempenho dessas ações nas últimas semanas.

Por outro lado, ações ligadas ao desempenho econômico brasileiro têm oscilado em função de variáveis específicas como nível de renda local, inadimplência, aumento/diminuição da concorrência, interferência do governo no mercado, estímulos concedidos pelo governo entre outras coisas.

Nesse sentido, a análise do investidor deve considerar tanto a perspectiva macroeconômica global, assim como as variáveis específicas internas para decidir sobre seus investimentos.

Vale observar que a agenda de hoje possui vários indicadores/eventos de destaque internacional, que podem trazer volatilidade aos mercados. Amanhã será conhecido o relatório de emprego dos EUA para setembro, o qual trará estatísticas de emprego do país que ainda não tiveram tempo para serem impactadas pelo novo programa de compra de ativos (QE3), implementado pelo FED em sua última reunião.

Brasil:

Conforme pode ser visto pelo gráfico candlestick diário do índice Ibovespa, a tendência de curtíssimo prazo continua a ser limitada pelo canal de baixa delineado no gráfico abaixo.

Vale ressaltar que estão delineados vários pontos críticos no gráfico, sejam resistências (acima de 58.627 pontos) ou suportes (abaixo de 58.627 pontos), frente ao patamar de fechamento de ontem.

Bons negócios!

Acesse também

http://www.investcerto.com.br

Siga a InvestCerto no Twitter

http://twitter.com/investcerto

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: