Skip to content

Panorama de mercado – 24/09/12 às 8h51

24/09/2012

Agenda

Europa: pesquisa sobre o clima de negócios (Ifo) na Alemanha para setembro.

EUA: índice de atividade nacional do FED de Chicago referente a agosto;  índice de atividade geral do FED de Dallas para setembro; discurso do presidente do FED de São Francisco, John Williams.

Ásia: indicadores antecedentes do Conference Board da China referente a agosto; relatóro semestral do Banco Central da Austrália (RBA).

Brasil: relatório Focus do Banco Central; estimativa do PIB mensal da Serasa Experian referente a juho; sondagem do consumidor da FGV para setembro; Nota de Mercado Aberto do Bacen para agosto; resultado semanal da balança comercial; IPC-S da FGV para a 3a. quadri/setembro.

Mercados

A maioria das bolsas da Ásia fechou em baixa nessa madrugada, com exceção de Shanghai, na China. Na Europa, as bolsas operam em queda nesse momento. A pesquisa sobre o clima de negócios (Ifo) na Alemanha para setembro acabou por trazer uma perspectiva negativa para a economia da Alemanha e, consequentemente, para as bolsas de valores da região. Os futuros de índices de ações também recuam em NY.

Conjuntura

O problema continua sendo a relutância da Espanha em pedir ajuda formal à União Europeia (UE); o que barra a atuação do Banco Central Europeu (BCE) na compra de bônus da dívida da Espanha no mercado. Ou seja, o compromisso assumido por Mario Draghi em fazer o que fosse possível para salvar o euro e terminar com o estresse nos mercados financeiros internacionais não pode ser cumprido.

A Alemanha não aceita a posição da Espanha, que por sua vez não quer “pedir pinico”. Por outro lado, a França e a Alemanha “batem de frente” novamente, em relação às suas visões de como solucionar a crise econômica europeia. Dessa forma, cria-se, novamente, ambiente de incerteza nos mercados proporcionando mais realização de lucros como resultado do recente rali de alta experimentado pelas bolsas.

Brasil

O mercado local tende a acompanhar o comportamento dos mercados internacionais, que apontam para baixo hoje. O índice Ibovespa tem mostrado dificuldades para romper a resistência situada na faixa dos 62.500 pontos.

Nota-se que o Ibovespa traça o desenho de um canal de baixa de curtíssimo prazo, conforme se pode observar pelo gráfico candlestick diário a seguir.

A persistir essa tendência, o índice pode romper o suporte situado próximo a 61.300 pontos e vir a testar o fundo do canal de baixa na faixa dos 60.500 pontos no curtíssimo prazo.

A fraqueza da economia internacional, além das incertezas políticas que atrapalham o encaminhamento de uma solução para o problema na Europa, impedem que as bolsas internacionais contribuam para que o mercado local supere a marca dos 62.500 pontos no índice Ibovespa, a despeito de todos os afrouxamentos quantitativos anunciados por vários bancos centrais ao redor do mundo.

Enquanto essa situação persistir, a volatilidade nas bolsas internacionais irá prevalecer e, por consequência, o Ibovespa mostrará comportamento similar.

Bons negócios!

Acesse também

http://www.investcerto.com.br

Siga a InvestCerto no Twitter

http://twitter.com/investcerto

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: