Skip to content

Panorama de Mercado – 20/09/12 às 9h01

20/09/2012

Agenda

EUA: variação nos pedidos de seguro desemprego na semana passada; índice PMI da indústria para setembro; índice de manufaturas do FED de Filadélfia para setembro; indicadores antecedentes do Conference Board para agosto; dicursos de vários membros do FED (Eric Rosengren do FED de Boston, Dennis Lockhart de Atlanta, Naryana Kocherlakota de Minneapolis, Sandra Pianalto de Cleveland e James Bullard de St. Louis).

Zona do euro/Europa: índice PMI da indústria e de serviços para setembro (que sintetiza os  índice PMI da indústria e de serviços da França e o índice PMI da indústria e de serviços da Alemanha para setembro); confiança do consumidor para agosto; PPI da Alemanha referente a setembro.

Europa: vendas no varejo do Reino Unido para agosto; expectativa de encomendas industriais para o Reino Unido referente a setembro; discurso do presidente do Banco Central do Reino Unido (BoE).

Ásia: atividade industrial do Japão para julho; relatório mensal do Banco Central do Japão referente a setembro.

Brasil: IPCA-15 para setembro e IPCA-E (trimestral – julho/agosto/setembro); Pesquisa Mensal do Emprego do IBGE referente a agosto.

Mercados

As bolsas de valores da Ásia fecharam em forte queda nessa madrugada, com destaque para as bolsas de Shangai e Tóquio. Na Europa, as bolsas também registram perdas nessa manhã, assim como os futuros de índices de ações em NY.

Conjuntura

As notícias ruins começam a “pipocar”. Vários indicadores referidos na agenda do dia mostraram resultados fracos, reavivando temores em relação à situação da economia global. O destaque fica para a China que voltou a mostrar fraca perspectiva de crescimento econômico ao registrar, novamente, um PMI da industria para setembro na faixa de 47,8 pontos.

O preço do petróleo tem registrado forte perda nos últimos dias. Há possibilidade de que os preços das commodities tenham atingido seu pico e que, devido à falta de solução para o crescimento econômico das principais economias do globo – com destaque para a economia europeia -, esses preços venham a apresentar retornos abaixo da média de mercado, apesar da aplicação de novas edições de compra de ativos (QE) por vários bancos centrais (FED, BCE, BoJ, BoE).

Se depois da tempestade vem a bonança, o contrário também pode ser verdadeiro no caso dos mercados de risco…

Brasil

O índice Ibovespa deve acompanhar o comportamento das principais bolsas mundiais.  Veja, a seguir, o gráfico candlestick diário do Ibovespa.

Como é possível notar pelo gráfico acima, o Ibovespa não conseguiu romper a resistência delineada na faixa dos 62.500 pontos, tendo apresentado tendência de baixa no curtíssimo prazo.

Nesse sentido, dada a situação dos mercados internacionais, o balanço dos riscos aponta para a queda do índice, que pode vir a testar proximamente o nível de suporte situado na faixa dos 59.625 pontos. Todavia, eventos não esperados podem trazer volatilidade ao mercado como, por exemplo, o conteúdo dos vários discursos de presidentes do FED agendados para hoje, assim como o resultado de indicadores previstos na agenda.

Bons negócios!

PS – Não deixe de responder à enquete formulada pelo blog em Enquete: quais os posts de sua preferência? – 03/09/12.

Acesse também

http://www.investcerto.com.br

Siga a InvestCerto no Twitter

http://twitter.com/investcerto

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: