Skip to content

A alta das bolsas continua – 30/07/12 às 9h00

30/07/2012

Portanto, caso se confirme a aplicação da maioria das medidas esperadas, é bastante provável que as bolsas continuem a repercutir positivamente o novo cenário e apresentem uma “recuperação técnica”. O problema é avaliar até quando essas medidas representarão combustível suficiente para a alta das bolsas, em ambiente de desaceleração econômica mundial. Será que os estímulos monetários esperados terão eficácia para reverter esse quadro ou representarão, apenas, mais medidas paliativas de combate à crise pós-2008? O tempo irá mostrar…

A agenda da semana promete notícias favoráveis. A semana passada terminou com forte recuperação das bolsas mundiais, com destaque para a alta de 4,72% da BM&FBovespa na sexta-feira.

Conforme noticiado pela imprensa, o Banco Central Europeu (BCE) deve propor medidas concretas para solucionar a crise da dívida soberana na Europa e, ao mesmo tempo, preservar a existência do euro em sua reunião de política monetária, marcada para quinta-feira.

A medida mais esperada é a volta do BCE às compras de bônus soberanos dos países com problemas para rolar suas dívidas, como a Espanha. Rumores sobre uma conversa entre Alemanha e França a respeito de um possível resgate de E$ 300 bi (trezentos bilhões de euros) para a Espanha também afetaram positivamente os mercados.

O Reino Unido informou na semana passada que a sua economia encolheu 0,7% no 2TRI/12 e o Banco Central da Inglaterra (BoE) tem sua reunião de política monetária marcada para quinta-feira. Espera-se que o BoE anuncie novos estímulos monetários para a economia em sua reunião.

A divulgação do PIB norte-americano para o 2TRI/12 na sexta-feira passada, apontou crescimento de 1,5% (anualizado) para a economia do país. A expansão do PIB veio dentro do esperado; mas o crescimento do consumo deixou a desejar, indicando que o FED pode vir a engrossar a fileira dos bancos centrais a promover estímulos monetários para suas economias já na reunião de seu comitê de política monetária (FOMC), marcada para terça e quarta-feira dessa semana.

Entretanto, o FED tem se mostrado um tanto resistente a aplicar de imediato uma nova edição do QE – quantitative easing. Parece que ele prefere confirmar a real necessidade de aplicação desse tipo de medida antes de tomar sua decisão.

Na sexta-feira, ele terá oportunidade de confirmar qual foi a quantidade de novos empregos criados na economia do país durante o mês de julho. Dependendo do resultado  a ser anunciado, ele poderá antecipar para essa semana, ou esperar sua próxima reunião, marcada para setembro, para tomar as medidas de estímulo para a economia.

Percebe-se que uma série de decisões importantes na área monetária/financeira estão para serem tomadas/anunciadas pelos bancos centrais de vários países tendo em vista o combate à recessão e o fortalecimento das economias europeias e norte-americana. Nesse sentido, o mercado já navega em águas “menos turbulentas”, e com perspectiva mais otimista à frente.

Por outro lado, o quadro chama a atenção pela gravidade da situação da economia mundial, apesar de que não se espere, nesse momento, eventos extremos como a  “quebra” de um país europeu ou a saída iminente de algum país da zona do euro. Ou seja, o mundo está em desaceleração econômica e as bolsas de valores vêm refletindo essa perspectiva. Ao fato, adicionou-se a piora da crise da dívida soberana europeia, que ajudou a derrubar ainda mais os mercados a partir de final de março/12.

Portanto, caso se confirme a aplicação da maioria das medidas esperadas, é bastante provável que as bolsas continuem a repercutir positivamente o novo cenário e apresentem uma “recuperação técnica”. O problema é avaliar até quando essas medidas representarão combustível suficiente para a alta das bolsas, em ambiente de desaceleração econômica mundial. Será que os estímulos monetários esperados terão eficácia para reverter esse quadro ou representarão, apenas, mais medidas paliativas de combate à crise pós-2008? O tempo irá mostrar…

Bons negócios!

Acesse também

http://www.investcerto.com.br

Siga a InvestCerto no Twitter

http://twitter.com/investcerto

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: