Skip to content

Bear market nos EUA? Como fica a BM&FBovespa nesse caso?

05/06/2012

Os analistas de grandes instituições bancárias dos EUA começam a visualizar a possibilidade da ocorrência de um mercado de baixa (bear market) para as bolsas do país. Estimam quedas da ordem de 15% a 20% para o índice S&P500, caso a incerteza sobre a situação das economias da Europa persista.

Além da eleição na Grécia, e de sua eventual saída do bloco do euro, a Espanha precisa obter recursos tanto para financiar sua dívida soberana a custos razoáveis, quanto para viabilizar o equacionamento da situação complicada de seu sistema bancário. Como é sabido, o risco é de que se a situação persistir sem solução por mais algum tempo, os mercados irão provocar uma solução que pode ser traumática para a região, além de trazer consequências graves para o Brasil e sua bolsa.

Se, de fato, o mercado acionário norte-americano tiver uma queda de 15% a 20% frente à situação atual, certamente o mercado de ações no Brasil sofrerá com esse evento. Para ter uma idéia do impacto de uma queda dessa ordem no S&P500, foi calculado o “Beta” do índice Ibovespa frente ao índice S&P500 para os últimos 4 meses de retornos dos índices. Vale lembrar que o cálculo do beta utiliza o índice de correlação e as volatilidades dos índices S&P500 e Ibovespa.

Veja a tabela com os indicadores calculados a seguir.

Deve-se ter em mente que se o índice S&P500 tiver uma queda da ordem de 15%, conforme mencionado acima, o índice Ibovespa deverá ter, estatisticamente, uma queda da ordem de 14,92% – com 50% para o coeficiente de explicação da regressão calculada. Ou seja, o Ibovespa poderia atingir cerca de 45,441 pontos, tomando-se o fechamento do Ibovespa de 53.416 pontos em 04/06/12.

Por outro lado, caso o mercado não consolide sua rota de queda, por conta da aplicação de medidas conjuntas de vários países e organismos internacionais para combater a crise de maneira direta e objetiva, o raciocínio utilizado pelo Beta continuaria a valer; só que operando no lado oposto: de uma melhora no Ibovespa.

Dessa forma, no caso de um cenário positivo para o S&P500 (onde ele valorizasse 15%), o Ibovespa poderia ter uma alta de 17,5% (15% x 1,17), conforme os dados utilizados anteriormente. Portanto, sob esse enfoque o índice Ibovespa poderia atingir cerca de 62.790 pontos, tomando-se o fechamento do Ibovespa de 53.416 pontos em 04/06/12.

Bons negócios

Acesse também

http://www.investcerto.com.br

Siga a InvestCerto no Twitter

http://twitter.com/investcerto

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: